Importância do peso ideal ao parto

peso_ideal_parto

A gestação é uma das etapas mais importantes da produção de suínos, pois influencia diretamente o parto, o número de leitões nascidos vivos e a produção de leite. Para garantir uma taxa alta de sucesso durante o parto, é essencial controlar a massa corporal dos animais antes do nascimento dos leitões. Neste artigo, vamos discutir porque o controle do peso ideal da matriz suína é tão importante na hora do parto e como os criadores de suínos devem ajustar a nutrição para garantir resultados consistentes e seguros.

Controle do Peso

Mantenha o peso ideal da matriz suína antes, durante e depois do parto para aumentar a eficiência produtiva e a performance reprodutiva das matrizes. Esse controle do peso é essencial para garantir um parto seguro e gerar uma alta taxa de incidência de sucesso, pois a partir do momento em que o peso está em desacordo, o parto torna-se mais difícil, gerando um sistema menos produtivo, além de ser um fator que aumenta o risco de problemas na saúde e na sequência reprodutiva da matriz.  Além disso, o peso da matriz suína tem impacto direto no peso dos leitões ao nascerem, uma vez que sua nutrição e genética são responsáveis pelo tamanho dos leitões.

Há algumas técnicas que podem ser usadas para controlar o peso da matriz suína, começando com uma boa planificação da dieta. Isso significa que a matriz deve receber nutrição equilibrada antes, durante e depois do parto. As matrizes devem ser alimentadas de acordo com as suas necessidades, pois isso garantirá que elas obtenham todos os nutrientes necessários. Além disso, é necessário monitorar o peso e o escore da matriz suína para identificar desequilíbrios e então, tomar as medidas apropriadas para mantê-la no padrão ideal.

Outro cuidado importante para alcançar o peso ideal, é o controle ambiental. O ambiente da granja deve ser monitorado para garantir que tenha ventilação, umidade e temperatura adequadas para alcançar o resultado desejado. O monitoramento das condições ambientais também é essencial para manter o nível ideal de estresse da matriz e assim, prevenir o aumento ou perda de peso indesejado.

Em suma, o controle da condição corporal é fundamental para gerar uma eficiência produtiva e reprodutiva do sistema.

Manejo Ideal

O manejo das matrizes, aliado a um olhar treinado para a identificação de oscilações no padrão desejado é crucial para a obtenção do sucesso. Portanto, ela precisa ser avaliada e monitorada de forma rigorosa e rotineira. Dentro dessa avaliação, é importante conhecer a relação entre as características de produção, alimentação e genética.

A eficácia do processo é multifatorial, como mostrado acima. Precisamos ter em mente que a nutrição e alimentação precisam estar ajustadas para as fases. Além de buscar um programa alimentar fácil de ser disponibilizado, aliado com um manejo constante sobre a condição corporal, visando ajustar o mais rapidamente possível os desvios de condições desejadas.

De maneira geral, as matrizes precisam estar em uma condição corporal mediana na hora do parto, nem magras e nem gordas. Mas o cuidado precisa ser redobrado nessa fase, pois matrizes que parem muito gordas, geralmente dão à luz a menos leitões, e tem sua capacidade de ingestão de alimento afetada, gerando menor produção de leite e leitões mais leves na desmama. Já matrizes que dão à luz em um escore corporal abaixo do indicado, tem mais dificuldade de retornar ao cio, afetando a produtividade do sistema. O equilíbrio é sempre buscado.

Uma boa manutenção de peso na hora do parto é fundamental, pois além de proporcionar elevadas taxas de desmame, também evitará complicações como baixo consumo de alimento e consequente baixa produção. Portanto, os produtores precisam planejar cuidadosamente o manejo das matrizes para conseguir otimizar o desempenho reprodutivo e aumentar o sucesso do seu negócio.

Fatores a serem Observados e Considerados

Um dos principais fatores que precisamos levar em consideração nessa fase, é que matrizes acima do score corporal tendem a ter um desempenho produtivo e reprodutivo afetado:

  • Índices negativos, como menos leitões nascidos vivos
  • Menor peso dos leitões
  • Mortalidade de leitões
  • Menor peso da leitegada ao desmame
  • Menor consumo de ração e menor produção de leite

Outros problemas persistem no decorrer das fases, como o aumento no intervalo entre partos e retorno mais frequentes ao cio.

Todos esses indicadores tornam a matriz menos eficiente, diminuindo a competitividade dos produtores e do setor suinícola no geral.

Comprometidos com você produtor, criamos um manual de manejo de matrizes para te auxiliar de forma pratica a identificar animais que necessitam atenção, e como intervir nesse período de grande relevância para o sucesso da sua atividade.

Se você gostou do conteúdo de hoje sobre a importância do peso ideal na hora do parto, compartilhe essa matéria com seus amigos e aproveite para acompanhar todas as novidades da TOPGEN nas redes sociais: FACEBOOK, INSTAGRAM ou LINKEDIN.